...o que a minha mãe me dava em miúda na noite anterior a qualquer evento especial para dormir melhor. ...o que de vez em quando ainda me dava jeito que a minha mãe me desse. ...um dos aromas que eu mais gosto. ...são reflexões que me assaltam.

08
Nov 13

os aeroportos sao locais engracados. aterrei em Paris as 5,15 hora local. estranhamente tirando os companheiros de viagem pouco mais gente havia. depois de muito andar por corredores enormes e longos e a cheirar a novo, apanhar um comboio e uma vez mais corredores enormes e longos, cheguei ao portao de embarque num terminal quase vazio mas onde um homem de meia idade tocava guitarra classica.

o som do dedilhar das cordas evadia o grande terminal como se de uma cancao de embalar se tratasse e enchendo de calma e paz o ambiente. aos poucos o terminal foi-se enchendo ate que o homem sem niguem notar parou e meteu a viola ao saco.

sao 8 da manha e o terminal parece ja um formigueiro a fervilhar de gente.

mas apesar do barulho a calma daquela guitarra ainda ecoa dentro de mim.

publicado por aguadeflordelaranjeira às 06:54
 O que é? |  O que é? | favorito

Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
20
21
22

24
25
26
28
29
30


arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO