...o que a minha mãe me dava em miúda na noite anterior a qualquer evento especial para dormir melhor. ...o que de vez em quando ainda me dava jeito que a minha mãe me desse. ...um dos aromas que eu mais gosto. ...são reflexões que me assaltam.

27
Nov 13
com estes dias frios acender a lareira, por o cesto do gato la perto para ele dormir quentinho enquanto pego num livro, num calice de Porto, numa taca com \"linguas de gato\" e me sento na minha cadeira favorita, tem sido uma boa maneira de relaxar, esquecer os contratempos e as frustracoes do dia. nao me lembro de alguma vez ter tido tempo para fazer isto o que so prova que andei muitos anos demasiado ocupada. estou a descobrir o prazer de parar, desligar tudo e pura e simplesmente entregar-me a estes pequenos prazeres.
ao mesmo tempo o cheiro e o sabor do vinho do Porto e das linguas de gato trazem lembrancas de dias de festa em que nos deixavam beber um \"didal\" de Porto nuns calices pequeninos cor de salmao que agora devem andar perdidos em casa de alguma irma. e sao essas lembrancas que aquecem por dentro.
publicado por aguadeflordelaranjeira às 23:56
 O que é? |  O que é? | favorito

Novembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
20
21
22

24
25
26
28
29
30


arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO